Diabetes e jejum


Eu nem tomei café ainda e já estou aqui sentada escrevendo. Sabe que ontem à noite eu e minha mãe, as duas diabéticas, queríamos tomar um sorvete. O problema é que eu só estava com um cartão de crédito. Parávamos em alguns lugares. Onde tinha sorvete diet, não aceitam o meu cartão. Onde aceitavam o cartão, não tinha sorvete diet. Moral da história? Se você for diabético, nunca saia com um só cartão. Porque se não há muitas opções de sorvetes diet, você tem de ter variedade de cartões, ou dinheiro vivo, para pagar a sua conta. Resultado: acabamos a noite sem sorvete.

As minhas irmãs se juntaram a nós e acabamos tomando iogurte desnatado batido. O negócio foi descontar a amargura da falta de sorvete no papo, que correu solto.

Ah! Preciso confessar: não comprei o remédio, mais um dia sem glimepirida. Estou muito irresponsável.

Gente, preciso tomar sorvete, quer dizer, tomar café, já estou sentindo os efeitos do jejum prolongado. Jejum, falta de remédio? Tá bom, tá bom, eu já entendi. Eu vou melhorar. Depois vou até fazer uma listinha do que preciso fazer para me tornar uma diabética consciente e saudável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s