Saúde Todo Dia


Concedi uma entrevista, no mês passado, para um novo programa do Canal Futura, o Saúde Todo Dia, que tem o apoio do Hospital Sírio-Libanês e é feito em parceria com a Rede Globo. O lançamento do programa, no dia 18 de setembro, teve a apresentação do primeiro episódio de uma série de dez: Saúde e Câncer. 

O lançamento, no auditório de Instituto de Pesquisa e Ensino do Hospital Sírio-Libanês, contou com a apresentação de Ana Maria Braga, que se emocionou ao final da exibição do programa. 

Com um formato dinâmico e focado na experiência de pessoas que passaram ou são portadoras de determinadas doenças, o programa agradou ao público presente.

O foco nos personagens aproxima o telespectador do assunto tratado, porque acaba por humanizar a doença. E mostra, na prática, como o olhar, a forma de vivenciar a doença faz diferença no tratamento. 

A estréia do programa na TV foi no dia 29 de setembro. A minha participação vai ao ar no episódio Saúde e Doenças Crônicas – Diabetes, no dia 29 de dezembro, às 18h30, com reprise nos dias 30 de dezembro e 3 de janeiro.  

A série de programas também será usada em projetos de Educação em Saúde. Iniciativas como esta tem de ser divulgadas, difundidas e cada vez mais fazer parte da grade televisiva. 

Eu, particularmente, adorei participar e dar o meu depoimento sobre a minha experiência. Coisa que eu procuro fazer aqui todos os dias.

2 ideias sobre “Saúde Todo Dia

  1. Fabia

    Meu nome é Fábia, sou mãe de uma criança diabetica, ha 10 meses, e eu estou grávida e gostaria de saber se você tem conhecimento se o cordão humbilical pode ser usado na cura para o meu filho.Ele fez 10 anos dia 19 de Fevereiro e é uma criança muito esperta só não aceita ter que aplicar a Insulina.

    Resposta
    1. Luciana Oncken Autor do post

      Oi, Fabia, não tenho conhecimento a respeito disso. Sou um especialista mesmo poderia informá-la. O diagnóstico ainda é recente e a não-aceitação é normal, ainda mais para uma criança. Vc já procurou a ADJ – Associação de Diabetes Juvenil (www.adj.org.br). Eles têm vários programas voltados para crianças. Talvez convivendo com outras crianças que têm a mesma necessidade de aplicar insulina ele passe a aceitar melhor. Pelo menos, enquanto a cura não vem. Beijos.

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s