Sobremesas dietéticas – projeto de lei



A deputada Solange Almeida (PMDB-RJ) apresentou um projeto de lei interessante na Câmara dos Deputados, em Brasília. O projeto de número 2003/07 obriga os restaurantes e estabelecimentos similares a incluir pelo menos um tipo de sobremesa dietética no cardápio.****

Segue parte da notícia publicada na Agência Câmara:


*****
A proposta considera sobremesa dietética um gênero alimentício preparado para “regimes especiais”, próprio para pessoas com capacidade diferenciada para ingerir, digerir, absorver e metabolizar alimentos ou cuja saúde determina necessidades nutricionais particulares. O texto exclui as frutas da definição de sobremesa dietética.

Informações
Além disso, as sobremesas dietéticas industrializadas deverão conter informações sobre a composição qualitativa e quantitativa, indicando os nomes químicos genéricos e a quantidade dos componentes básicos; o tipo de adoçante utilizado; o teor calórico; e a quantidade de carboidratos, proteínas e gorduras por unidade de peso ou volume do produto.

Caso a sobremesa dietética seja confeccionada ou manipulada no próprio restaurante, o cardápio também deverá conter essas especificações, assim como o nome do profissional qualificado responsável, que deverá ser um nutricionista ou químico de alimentos.

Vida saudável
A deputada ressalta que, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o diabetes é a terceira doença que mais causa mortes no mundo, superada apenas pelas doenças cardiovasculares e o câncer.

“A idéia é oferecer maior qualidade e opção de alimentação para todos que querem levar uma vida saudável, principalmente os diabéticos e obesos que tanto sofrem para ter uma alimentação normal”, defende a parlamentar.

Tramitação
O projeto será analisado em caráter conclusivo nas comissões de Seguridade Social e Família; Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

**

Embora interessante, temo que os restaurantes não primem pela qualidade e passem a oferecer sobremesas industrializadas com sabor de remédio.

Outra coisa que me preocupa são os estabelecimentos menores por este Brasil afora. É praticamente impossível manter um controle sobre o que está sendo oferecido. Como diz a nota: “Caso a sobremesa dietética seja confeccionada ou manipulada no próprio restaurante, o cardápio também deverá conter essas especificações, assim como o nome do profissional qualificado responsável, que deverá ser um nutricionista ou químico de alimentos.”

Se não houver um controle muito rigoroso de vigilância, no meu entender, o diabético pode correr riscos ao consumir sobremesas teoricamente dietéticas.

Dependendo do lugar, eu não me arrisco.

E você, o que pensa?

Participe deixando o seu comentário!

12 ideias sobre “Sobremesas dietéticas – projeto de lei

  1. celio

    é impossível para os pequenos estabelecimentos cumprir uma lei como esta, pois muitos deles são os próprios donos que desempenham todas tarefas na confecção dos alimentos.
    sem nenhuma formação profissional culinária, nutricionista e químico.
    porém é valida a ideia que os estabelecimentos que tenham condições ofereçam cardápios para quem deles necessite

    Resposta
  2. Maria Cláudia Guimarães Ribeiro dos Santos

    Olá,
    Sou de família de diabéticos e proprietária da Flavour. Tenho tentado fazer uma campanha com meus clientes diabéticos, hipoglicêmicos, etc., para que manifestem suas necessidades, por exemplo, perguntando sempre em restaurantes, lanchonetes, padarias, empórios, etc se o estabelecimento oferece opções dietéticas para que os responsáveis por cardápios e abastecimento deem-se conta da real demanda destes produtos. Como a pessoa em dieta de restrição de açúcares em geral acha que o comércio não especializado não tem que ter este tipo de produto, esta demanda , que é grande, passa despercebida ou subestimada. A resposta mais frequente que ouço ao oferecer sobremesas diet/light, é que a demanda é muito pequena para que se adote um ou mais ítens regularmente. Se considerarmos que por várias razões os consumidores em dieta de restrição de açúcares chegam a 10% da população, vamos ver que raramente qualquer ítem alimentício isoladamente atinge tal percentual de consumidores fidelizados em qualquer estabelecimento.
    Fica aqui a idéia,
    Maria Cláudia

    Resposta
  3. Jose Carlos Diniz

    Cara Luciana
    Parabens pelo Blog.
    Sou diabético tipo II ha 20 anos. Acho louvável a iniciativa da Deputada e espero que funcione. Há vários anos, sempre que vou a um restaurante pergunto se tem sobremesa dietética. Na maioria das vezes o garçon responde com um sorriso beirando ao deboche que não tem. Solicito a presença do Maître e peço explicação, invariavelmente dizem: o custo é alto ou o gosto é ruim, não tem saida ou ainda que “pode comer, é só hoje, não lhe fará mal”. A partir dai, inicio uma preleção sobre a doença a discriminação para com os diabéticos e informo que 10% a 15% da população é diabética . Aí a coisa muda.
    Já consegui que alguns restaurantes incluissem regularmente em seu cardápio uma ou mais sobremesas diet.
    O interessante é que depois todos se dizem surpresos com as vendas do produto.
    Se cada um de nós reclamasse , o que considero um direito, seríamos mais bem sucedidos em nossa campanha, ainda mais se o projeto virar lei, o que desejo ardentemente.
    José Carlos Diniz

    Resposta
  4. vania mara santos

    Olá, eu estou pela primeira vez consultando o assunto em funçao de estar namorando um rapaz que tem diabetes.
    Gostei muito das informações aqui contidas e serei uma visistante frequente. Entrei por acaso para procurar receitas dietéticas. Valeu muito.

    Obrigada , até breve.

    Resposta
  5. jaqueline

    Ola ….so estudante e estamos desenvolvendo como balcao de projeto um plano de negocio para a abertura de um estabelecimento que venda produtos para diabeticos, hipertensos, ceticos. Estamos realizando algumas pesquisas e verificando seu blog vi que você possui muitas informações, seria possivel vc me enviar algumas informações, dicas, receitas para que tivessemos informações para fundamentar nosso projeto e mostrar que esse estabelecimento realmente é viavél.
    Aguardo retorno , obrigada

    Resposta
    1. Luciana Oncken Autor do post

      Jaqueline, creio que as minhas dicas (menos receitas, pq eu não crio receitas) e informações que eu tenho para passar estão todas publicadas aqui. Fique a vontade para utilizá-las citando a fonte. Abraço e bom trabalho.

      Resposta
  6. Marilia Seixas

    Olha, é muito dificil que todos os estabelecimentos ofereçam pelo menos uma sobremesa dietetica, porém acho que as docerias e sorveterias poderiam ter mais opções.
    Normalmente encontramos apenas 6 sabores de sorvetes dieteticos, por exemplo, em uma sorveteria. O produto dietetico quando bem feito, é tão gostoso quanto os não dieteticos. Portanto, qualquer pessoa pode consumir,não exclui ninguem! Isso sim deve ser o foco da campanha…evitar a exclusão!
    Nós diabeticos sempre vamos preferir frenquentar lugares que nos proporcionem mais opções…
    Bom trabalho!

    Resposta
    1. Luciana Oncken Autor do post

      Marilia, seis opções ainda é muito. Normalmente, há uma ou duas sobremesas diet, isso quando tem. Em alguns lugares, isso tem melhorado, mas no geral… Obrigada e comente sempre. Abraços.

      Resposta
  7. sonia regina mattos de andrade

    SOU DIABÉTICA A 15 ANOS (INSULINO DEPENDENTE) ,E ESTOU ACHANDO LOUVÁVEL QUE EXISTA UMA LEI QUE INCLUA A SOBREMESA DIET NO CARDÁPIO. CARO POR CARO, O QUÊ NÃO É HOJE EM DIA? E O QUE ME DEIXA MAIS TRISTE É PENSAR QUE ASSIM COMO EU(ADULTA) TEM CRIANÇAS QUE TBM SÃO DIABÉTICAS E PASSAM AS MESMAS PRIVAÇÕES QUE NÓS ADULTOS. POR FAVOR REDES DE FEEST FOOD ,INCLUAM UM CARDÁPIO DIET E LIGHT . POIS AS CRIANÇAS DIABÉTICAS TBM TÊEM O DIREITO DE FREQUENTAR OS “MC DONALDS” DA VIDA. OU NÃO?

    Resposta
  8. Margarete Godoy

    Nossa não sabia desse projeto de lei! Já foi aprovada?
    Toda vez que vou a um restaurante é a mesma coisa não tem sobremesa diet. Toda essa variedade de doces que existem com açúcar, e diet nada. Não é justo! rsrs.
    Beijos

    Resposta
  9. Mauricio

    Sugiro que comecemos a divulgar restaurantes que tem sobremesas diet para que possamos dar preferencia a estes lugares .
    Como ponta-pé inicial , já que estamos em época de Copa do Mundo, cito dois no Rio de Janeiro , mais precisamente no São Conrado Fashion Mall . Um é o CT Brasserie do Troigros que tem uma torta de maça diet com sorvete de creme diet fantastica e o outro é o Alessandro & Frederico que tem uma torta de chocolate tambem maravilhosa . Exemplos a serem seguidos .

    Resposta
    1. Luciana Oncken Autor do post

      Oi, Mauricio! Tenho um post que fala justamente sobre isso. Aqui em São Paulo, há muitas opções e pedi para que cada pessoa completasse com as informações sobre a sua cidade. Os posts estão aqui:
      https://vivercomdiabetes.wordpress.com/2010/01/27/o-que-a-sua-cidade-oferece-para-os-diabetico/
      https://vivercomdiabetes.wordpress.com/2010/01/26/sao-paulo-melhor-cidade-do-mundo-para-diabeticos/
      Obrigada pela sua participação!

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s